Campo Grande (MS), Quarta-feira, 24 de Abril de 2024

CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE

Aprovado Projeto do vereador Carlão que visa disponibilizar tablets ou smartfones para agentes comunitários de saúde e de combate às endemias

14/03/2023

17:40

ASSECOM

©DIVULGAÇÃO

Em primeira votação e discussão, foi aprovado hoje (14), durante sessão ordinária da Câmara Municipal de Campo Grande, o Projeto de Lei n° 10.802/22, que estabelece a implantação do Programa de Utilização de Equipamentos Eletrônicos Portáteis (tablets e/ou smartfones) para registro e transmissão “on-line” de dados recolhidos pelos Agentes Comunitários de Saúde e pelos Agentes de Combate às Endemias. A proposta é de autoria do vereador Carlos Augusto Borges (Carlão PSB), presidente da Casa de Leis.

“Estes equipamentos eletrônicos portáteis deverão estar sincronizados com o sistema utilizado pela rede pública de saúde, permitindo aos agentes lançar todos os procedimentos realizados nas visitas, direto no sistema nas Unidades Básicas de Saúde da Família (USBF). Visando garantir agilidade e modernização do serviço e contribuindo com a integralidade da assistência”, explicou Carlão.

Para o parlamentar, o Agente Comunitário de Saúde e o Agente de Combate às Endemias são profissionais de grande importância para população, já que percorrem as ruas do município visitando as residências de seus moradores. Ao disponibilizar “tablets” e/ou “smartfones” carregados com os “softwares” necessários para o cadastramento e acompanhamento “on-line” das informações colhidas no campo estaremos facilitando o trabalho dos profissionais, dando celeridade aos trabalhos de coleta e registro de informações, reduzindo os custos operacionais dos programas de saúde preventiva e de combate às endemias.


Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Últimas Notícias

Veja Mais

Envie Sua Notícia

Envie pelo site

Envie pelo Whatsapp

Rede News MS © 2021 Todos os direitos reservados.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO, transmissão e redistribuição sem autorização expressa.

Site desenvolvido por: