Campo Grande (MS), Quarta-feira, 08 de Fevereiro de 2023

SANEAMENTO

Sanesul chega aos 44 anos como modelo de gestão moderna e eficiente

Companhia atingiu o topo entre as companhias viáveis do país, no momento que o governo central estuda rever a questão do saneamento

24/01/2023

15:00

ASSECOM

Walter Carneiro Júnior parabeniza família Sanesul

A Sanesul chega aos 44 anos, em 26 de janeiro, como modelo de gestão moderna e eficiente, lembrada inclusive como umas das melhores companhias de saneamento do Brasil no seu desempenho operacional e viabilidade financeira.

Orgulho da população sul-mato-grossense, a empresa responsável pelos serviços públicos de água tratada e esgotamento sanitário em 128 localidades, sendo 68 municípios e 60 distritos --, a Sanesul atingiu o topo entre as companhias viáveis do país, no momento que o governo central estuda rever a questão do saneamento, com possibilidade iminente de promover a privação de várias estatais, as quais não atendem às exigências da legislação.

Ao contrário desse cenário de instabilidade, a diretoria da Sanesul festeja nesta data histórica os bons resultados obtidos nos últimos anos, com destaque para 2021 e 2022, quando se firmou como uma das melhores companhias brasileiras, ao mesmo tempo em que se prepara para colocar em prática novas ações e seguir em frente em torno do cumprimento de sua meta da universalização do esgotamento sanitário, além de manter o abastecimento de 100% de água nas cidades onde opera, garantindo à população esse benefício.   

Os bons números colocam a companhia num patamar de destaque nacional, obedecendo ao novo marco legal do saneamento básico, que exige adequações e comprovação da capacidade econômico-financeira das empresas públicas de saneamento.

Tudo isso graças a uma dinâmica de trabalho bem-sucedida que inclui um plano ousado de investimento sustentável por meio de uma engrenagem envolvendo sua diretoria, Conselho de Administração e seus mais de 1.400 colaboradores.

A diretoria credita o sucesso no cumprimento de suas metas ao empenho de sua gestão operacional moderna e crescimento sustentável a qualificação constante de seus colaboradores, considerados verdadeiro patrimônio da companhia.

“Janeiro é um mês muito importante para nós aqui da Sanesul, um mês em que comemoramos mais um ano de existência, 44 anos. Quero parabenizar todos os nossos colaboradores, toda família Sanesul, pelo empenho, pelo trabalho, pela garra, pelo comprometimento que todos têm para cada dia mais fortalecer a imagem dessa empresa que é um orgulho para a família sul-mato-grossense. Parabéns Sanesul, parabéns Mato Grosso do Sul, parabéns a todos nós que fazemos parte dessa grande história de desenvolvimento do nosso Estado”, comemorou o diretor-presidente Walter Carneiro Júnior, em vídeo gravado para as redes sociais.  

Segundo ele, ao longo desses anos, a Sanesul tem se reinventado constantemente visando se adequar a nova legislação e cumprir as metas exigidas pela lei em vigor.

Pertencente ao governo de Mato Grosso do Sul, a Sanesul tem focado muito em estratégias e métodos envolvendo todo seu corpo técnico a fim de se atualizar e promover mudanças estruturais para atender aos usuários nos municípios nos quais mantém contratos de concessão, além de preservar o meio o ambiente e contribuir para o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul.

EMPRESA COMPETITIVA

Ainda segundo a direção, a Sanesul está economicamente organizada para poder competir no mercado, observando que foi promovida ao longo dos últimos anos uma série de ajustes no seu corpo funcional.

Atualmente, o quadro de pessoal da empresa, compromete apenas um índice de 23%, enquanto que o limite legal é de 60%.

METAS

Desta forma, enquanto a maioria das companhias públicas nos estados brasileiros encontra dificuldades no desafio para atingir o cumprimento das metas estabelecidas pela legislação no setor de saneamento básico, o processo de universalização do esgotamento sanitário avança gradativamente em Mato Grosso do Sul.

Com objetivo de universalizar o serviço de esgotamento sanitário até 2031, serão investidos R$ 3,8 bilhões de capital privado nos sistemas de coleta e tratamento de esgoto em todo o Mato Grosso do Sul.

Responsável por esse cenário invejável do ponto de vista estrutural da empresa, uma vez que acompanha a sua evolução quando ainda era o titular da Secretaria de Estado de Infraestrutura, a qual a Sanesul é vinculada, o governador Eduardo Riedel atesta que um de seus maiores orgulhos foi ter articulado a primeira parceria PPP (Público Privada) que vai universalizar o saneamento básico em Mato Grosso do Sul.

“Saneamento é saúde, é meio ambiente. Quando assumimos o governo, há quase oito anos, Mato Grosso do Sul tinha apenas 36% de saneamento, e hoje são 59%. Fizemos à primeira PPP dentro do marco regulatório, para garantir a universalização”, lembrou, referindo-se a gestão do então governador Reinaldo Azambuja, da qual foi atuante.

Riedel se orgulha em reafirmar que a Sanesul é sul-mato-grossense. “A Sanesul fez uma concessão administrativa, não foi vendida. Ela é fundamental para manter a gestão do saneamento sob o controle do Estado de mato Grosso do Sul, e vai injetar R$ 1,6 bilhão em nossa economia”, afirma o governador, que já planeja novos investimentos no setor.


Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Últimas Notícias

Veja Mais

Envie Sua Notícia

Envie pelo site

Envie pelo Whatsapp

Rede News MS © 2021 Todos os direitos reservados.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO, transmissão e redistribuição sem autorização expressa.

Site desenvolvido por: