Campo Grande (MS), Terça-feira, 04 de Outubro de 2022

SAÚDE

Hospital Cassems de Dourados celebra aniversário de 18 anos com quase 3 milhões de atendimentos na década

Unidade hospitalar foi o primeiro da Rede Própria, construído pela Caixa dos Servidores, e hoje potencializa o atendimento à saúde em toda a região sul do estado

31/08/2022

12:00

ASSECOM

©DIVULGAÇÃO

Nesta quinta-feira (01), o Hospital Cassems de Dourados - o primeiro da Rede Hospitalar da Cassems - completa 18 anos de assistência à saúde dos beneficiários da Caixa dos Servidores no município de Dourados e cidades próximas. E comemora o fato de ser referência na região sul do estado, tendo realizado 2.709.368 serviços de assistência à saúde nos últimos dez anos.

Somente no primeiro semestre de 2022, já foram realizados cerca de 58 mil atendimentos nas áreas de urgência/emergência, ambulatoriais e atendimentos de internações. Para o presidente da Cassems, Ricardo Ayache, a unidade hospitalar ao longo da sua história tem contribuído com a responsabilidade de cuidar de vidas oferecendo atendimento humanizado e de qualidade assumida pela Cassems nesses 21 anos e relembra um importante presente que será entregue no próximo ano.

“São muitas histórias, muitas vidas que foram salvas numa estrutura de saúde que se tornou modelo para a região de Dourados tão importante para Mato Grosso do Sul. No início de 2023, a região receberá o novo Hospital Cassems de Dourados, com uma área de atendimento maior do que a atual, que passará de 60 para 160 leitos hospitalares. E vai aliar modernidade com atendimento humanizado”.

O novo Hospital Cassems de Dourados terá uma área de aproximadamente 8.500 metros e representa um salto na qualidade da assistência à saúde prestada aos beneficiários com o aprimoramento dos setores de Oncologia e Nefrologia, o Laboratório e o Centro de Diagnóstico. “É uma construção dentro dos conceitos mais atuais, olhando para a sustentabilidade do meio ambiente, mas sobretudo preocupado com a qualidade da assistência à saúde, preocupado com a humanização do atendimento e preocupado com cada uma das vidas que temos a responsabilidade de cuidar”, ressalta Ayache.  

O diretor de unidades hospitalares, Flávio Stival, destaca que a construção do novo hospital é a concretização do sonho dos beneficiários Cassems da região Sul do Estado. “É uma alegria muito grande construir esse novo hospital. Levar melhoria na assistência à saúde, na qualidade dos serviços oferecidos e humanização nos serviços oferecidos pela Cassems aos beneficiários que buscam a unidade hospitalar”, pontua Stival.

Falando sobre inovação, o diretor de unidades Flávio Stival destaca ainda que a unidade hospitalar é um divisor de águas na assistência à saúde, mencionando um dos avanços levados para a região pela Cassems. “O Hospital Cassems de Dourados é a única da região que oferece assistência de saúde em serviços de oncologia, também pelo SUS, então toda uma população da região sul do estado tem acesso a esse serviço”, reforça.

Já a coordenadora da recepção do Hospital Cassems de Dourados, Claudia Morais da Silva Soares, que há 16 anos atua na unidade hospitalar, relembra que durante a crise mundial da saúde provocada pela pandemia da Covid-19 que o Hospital desempenhou um importante papel no atendimento aos pacientes da região sul do estado. “Sem dúvida nenhuma o que mais marcou o trabalho nos hospitais foi a pandemia da covid-19. Nesses anos, perdemos muitos pacientes. Alguns até que conhecíamos porque eles vinham ao hospital. Assistimos famílias de pacientes que ficaram internados e ao mesmo tempo acompanhamos vitórias e vibramos quando conseguimos reverter quadro de pacientes”.

Mesmo enfrentando grande demanda na procura por atendimentos durante a pandemia, o Hospital efetuou melhorias em sua estrutura, como ampliação do portfólio de exames, reforma da hemodinâmica, aquisição de equipamentos do Centro Cirúrgico e da UTI, instalação de containers para atendimento de sintomas respiratórios, implantação do Centro de Infusão, reforma do espaço para a instalação de ressonância magnética, melhorias no laboratório.

Além de salvar vidas ao longo desses 18 anos, o Hospital Cassems de Dourados também colaborou para pessoas descobrirem sua vocação. É o caso da enfermeira na unidade hospitalar, Thaila Francielli da Silva Peixoto, que completa também em setembro, 12 anos trabalhando no hospital. “Eu iniciei minha carreira aqui no Hospital como Aprendiz legal, na época eu tinha 17 anos, e nem pensava em fazer a faculdade de enfermagem. Mas após ingressar na empresa, me interessei bastante pela área hospitalar que escolhe abraçar como carreira profissional”, relembra a enfermeira.

A coordenadora da recepção, Claudia Morais da Silva Soares, há 16 anos faz parte do quadro de colaboradores da Cassems e acompanhou as mudanças estruturais, mas destaca as histórias de vida que viu acontecerem no hospital. “A gente passa a maior parte do tempo no hospital, então desde que eu entrei aqui vi muita história, muita gente que entrou aqui terminou a faculdade e conseguiu entrar como especialistas no quadro de colaboradores do hospital. Então trabalhar aqui é orgulho”, conclui.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Últimas Notícias

Veja Mais

Envie Sua Notícia

Envie pelo site

Envie pelo Whatsapp

Rede News MS © 2021 Todos os direitos reservados.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO, transmissão e redistribuição sem autorização expressa.

Site desenvolvido por: