Campo Grande (MS), Domingo, 03 de Julho de 2022

Educação

Escolas estaduais recebem conjuntos de robótica para melhorar aprendizado dos alunos

20/04/2022

10:45

Subcom

Paulo Fernandes

Fotos: Chico Ribeiro

Para estimular o raciocínio lógico e matemático e tornar o aprendizado mais atrativo, o governador Reinaldo Azambuja entregou 116 conjuntos de robótica para escolas de tempo integral da Rede Estadual de Ensino. A entrega foi feita nesta quarta-feira (20), no Centro de Formação e Pesquisa Mariluce Bittar (Rua dos Dentistas, 500, no bairro Tiradentes). 

Na avaliação do governador, a implantação dos laboratórios de robótica vai despertar o interesse dos estudantes pelo aprendizado. “Isso aqui ajuda a despertar no aluno aquele pensamento computacional, intelectual, social. Muda muito para o aluno que, muitas vezes, já está naquela aula cansativa. A criatividade vai ser despertada. Isso aqui estimula, principalmente, a matemática, porque vai ter que trabalhar a matemática, não tenha dúvida disso. Vai ajudar muito nós irmos melhorando os índices de aprendizado, que é o que nos interessa”, disse Reinaldo Azambuja.

Ainda segundo ele, o estudo de robótica vem na mesma esteira de modernização da PPP da Infovia Digital que vai levar internet de alta velocidade para todas as escolas e prédios públicos. “Vamos ser o estado mais conectado do Brasil. Com uma conexão rápida. A internet nossa, além de aumentar a velocidade em mais de 40 vezes, vai diminuir o preço ao usuário em mais de 50 vezes. Qual é o grande problema hoje? Nós temos uma internet ruim e cara. O que vai ser essa PPP das Infovias Digitais? Vai fazer 7.600 quilômetros de fibra óptica percorrendo todas as 79 cidades. Vai chegar a todas as escolas, todos os prédios públicos, todos os órgãos públicos estaduais, municipais e federais e em praças públicas em todas as cidades”, disse.

Já a secretária de Educação, Maria Cecília Amendola da Motta, explicou que mais de 150 profissionais começaram a receber, na segunda-feira (18), a formação para o correto uso dos laboratórios de robótica. “Os professores que estão aqui são diferenciados. Aquele paradigma de que a formação da universidade bastava, já era. Precisamos estar o tempo todo estudando”, disse. O valor investido nos conjuntos de robótica foi de R$ 8,896 milhões. Além dos kits foram entregues materiais de apoio para alunos e educadores.

De acordo com o superintendente de Informação e Tecnologia da SED, Paulo César Rodrigues dos Santos, a robótica poderá ser aproveitada por professores de diversas disciplinas. “Podemos trabalhar robótica em qualquer disciplina. Digamos que eu sou professor de História e chegou isso para que eu trabalhe? Como posso incorporar a robótica no ensino da História? Vamos falar da expansão do império romano. Um dos principais fatores foi o desenvolvimento de estradas. Eu posso falar para o meu aluno criar uma estrada, em um mapa no chão, criando uma estrada da Itália até a Grã-Bretanha. Ele tem que programar o robô para fazer esse trajeto”.

E o vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, deputado Professor Rinaldo, destacou que a robótica educacional pode ajudar a enfrentar o problema da evasão escolar. “Não vamos mudar nosso Estado e o nosso País se não for pela educação. A robótica vai ajudar a combater um dos maiores problemas da educação brasileira: a evasão escolar. Ela vai tornar o aprendizado mais atrativo”, concluiu.

Todas as escolas estaduais de tempo integral deverão receber os kits

 

 


Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Últimas Notícias

Veja Mais

Envie Sua Notícia

Envie pelo site

Envie pelo Whatsapp

Rede News MS © 2021 Todos os direitos reservados.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO, transmissão e redistribuição sem autorização expressa.

Site desenvolvido por: