Campo Grande (MS), Segunda-feira, 16 de Maio de 2022

Desarmado, autor de latrocínio estava escondido na casa de parentes

Siguinaldo Gonçalves foi preso na Aldeia Taquaperi e policiais mantêm caçada ao irmão dele, de 16 anos

24/01/2022

12:25

CAMPOGRANDENEWS

Helio de Freitas, de Dourados

Siguinaldo é retirado de viatura ao chegar na delegacia de Amambai ©DIVULGAÇÃO

Preso na manhã desta segunda-feira (24), Siguinaldo Gonçalves, 24, um dos acusados pelo latrocínio (roubo seguido de morte) contra o fazendeiro Olenir Nunes da Silva e o filho dele, Antônio Nunes da Silva, 23, estava escondido na casa de parentes.

O delegado regional de Ponta Porã Clemir Vieira disse que Siguinaldo não estava armado e não apresentou qualquer reação quando os policiais cercaram o local.

Ele foi localizado depois de dez dias de buscas feitas por agentes da Polícia Civil e militares que integram a força-tarefa criada pela Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública.

A caçada continua para localizar o irmão de Siguinaldo, adolescente de 16 anos que ajudou o irmão no ataque à fazenda de Olenir, na manhã de 14 deste mês em Amambai, a 360 km de Campo Grande.

A polícia acredita que o adolescente também esteja escondido na Aldeia Taquaperi, no município vizinho de Coronel Sapucaia, onde outro acusado foi preso. Siguinaldo foi levado para a delegacia de Amambai para ser interrogado.

Segundo o delegado regional, a localização do adolescente é prioridade agora, para ajudar esclarecer todos os detalhes do assalto. A dupla teria matado Antônio a golpes de facão por ter sido reconhecida pelo rapaz. Eles tinham trabalhado na propriedade. Olenir foi morto durante troca de tiros com os bandidos. 


Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Últimas Notícias

Veja Mais

Envie Sua Notícia

Envie pelo site

Envie pelo Whatsapp

Rede News MS © 2021 Todos os direitos reservados.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO, transmissão e redistribuição sem autorização expressa.

Site desenvolvido por: